Aconteceu na 13ª Semana de Museus do Sobrado Histórico J.F. Lippi

     Na semana do 18 de maio – o Dia Internacional dos Museus – acontece a Semana de Museus, ocasião em que instituições culturais de todo país promovem eventos relacionados a um tema proposto pelo IBRAM (Instituto Brasileiro de Museus). Neste ano o tema foi Museus para uma sociedade sustentável.

Outras fotos no álbum de nossa fan page.

Publicado em Textos | Deixe um comentário

Visita do SESC Nogueira (Petrópolis) em 26/02/2015

Publicado em Textos | Deixe um comentário

Sobrado Histórico J.F. Lippi: Retrospectiva 2014

O ano em que este museu completou uma década de abertura ao público. Clique nas fotos para ver os álbuns.

Dezembro de 2013 

Cervejaria Bohemia

Janeiro de 2014

Consultoria de museólogo

Consultoria de museólogo

 

 

 

 

Trabalho de Conclusão de Curso de Pós graduação Latu Sensu, “José Francisco Lippi: trajetória do senhor de Venda Nova (1900-1930)”

  Março

Confira também o álbum.

Abril

Modinhas imperiais com o Trio Orpheus.

Modinhas imperiais com o Trio Orpheus.

Maio

Oficina Pães da Princesa

Oficina Pães da Princesa

Confraternização de amigos do CEROM

Confraternização de amigos do CEROM

O ator Ozair Pirilim comandou um espetáculo de ventriloquia e mágica.

12ª Semana de Museus

76 anos do Centro Interescolar de Agropecuária José Francisco Lippi

76 anos do Centro Interescolar de Agropecuária José Francisco Lippi

 

 

 

 

 

 

 

 

Junho

Sarau Romântico Caterinella

Confira o vídeo da ESPN gravado no dia do sarau.

Julho

Artigo de sobre o Sobrado Histórico José Francisco Lippi do ponto de vista do Turismo Cultural na  edição 25 da Revista de História Amnésia.

Artigo de sobre o Sobrado Histórico José Francisco Lippi do ponto de vista do Turismo Cultural na edição 25 da Revista de História Amnésia.

Gravação do CD “Encaixe”, de Ricardo de Oliveira:

Setembro

Projeto “Resgate, preservação e divulgação da história da região”

Início do projeto “Resgate, preservação e divulgação da história da região”

Outubro

I Feira da História da Família em Teresópolis

I Feira da História da Família em Teresópolis

Novembro

Início do curso de extensão “Introdução ao Turismo e suas práticas no meio rural”

Início do curso de extensão “Introdução ao Turismo e suas práticas no meio rural”

Dezembro

Sobrado Histórico J.F. Lippi presente em “Sertões do Macacu: Guia do  Patrimônio documental da região Centro-Norte Fluminense”

Sobrado Histórico J.F. Lippi presente em “Sertões do Macacu: Guia do
Patrimônio Documental da Região Centro-Norte Fluminense”

 

Além destes eventos extraordinários, o museu ao longo do ano esteve aberto para visitas e eventos:

Um ótimo 2015!

Publicado em Outros | Deixe um comentário

Sobrado Histórico J.F. Lippi presente em guia documental da região Centro-Norte Fluminense

     No dia 13 de dezembro foi lançada em Nova Friburgo a obra Sertões do Macacu: Guia do Patrimônio Documental da Região Centro-Norte Fluminense. Por meio de um recorte histórico foram selecionados 13 municípios, os quais tiveram 142 entidades custeadoras de arquivos e seus acervos descritos nesse trabalho. Além de facilitar o ofício de pesquisadores com esse levantamento, o guia pode servir também como referência para políticas de conservação de acervos e, por conseguinte, para a preservação da memória.

As autoras: a historiadora da Fundação Dom João VI, Maria Ana Quaglino (segurando um exemplar impresso do Guia) e a biblioteconomista Alcíria Araújo.

As autoras: a historiadora da Fundação Dom João VI, Maria Ana Quaglino (segurando um exemplar impresso do guia) e a biblioteconomista Alcíria Araújo.

As autoras com Nelson Boher, responsável pelo design gráfico e desenvolvimento técnico do projeto de publicação da obra no formato impresso e versões digitais.

As autoras com Nelson Boher, responsável pelo design gráfico e desenvolvimento técnico do projeto de publicação da obra no formato impresso e versões digitais.

     O guia Sertões do Macacu apresenta 3 partes. Na Parte I são tratados os objetivos, teoria e metodologia. Na Parte II – O Levantamento – são apresentadas as instituições custeadoras de arquivos por categorias (paróquias, arquivos de prefeituras como pró-memórias, casas de cultura, bibliotecas e arquivos da administração, os arquivos da Câmara , sociedades musicais, etc.) e por municípios. O Sobrado Histórico José Francisco Lippi aparece na categoria “Museus” juntamente outras duas instituições congêneres. Aparece também, é claro, quando são descritos os acervos do município de Teresópolis. A Parte III é composta por mapas dos séculos XVIII e XIX dos Sertões do Macacu.

     O acervo do museu que consta neste guia foi descoberto nos porões do Sobrado quando a professora Regina Furtado se mudou para Venda Nova com seu esposo em 1997. A partir de 2004, com a abertura do museu ao público, Regina contou com Vera Rebello para a organização do acervo. Em 2012, com o auxílio de adicional de Raquel Furtado e Marcelo Campos, fizeram um balanço do acervo. Para constar no Guia, o Sobrado Histórico recebeu duas visitas da Fundação Dom João VI.

     Veja outras fotos da 1ª visita e da 2ª visita da Fundação Dom João VI ao Sobrado Histórico José Francisco Lippi.

     Voltando ao lançamento, um grupo formado por Maria Tereza Pineschi (canto), Ana Botelho (violão), Ranieri (flauta) e Paulão (percussão) tocou modinhas e lundus.

Este slideshow necessita de JavaScript.

     Para finalizar o evento, um coquetel na recepção do Teatro Irmã Cosmelli (Colégio Nossa Senhora das Dores), onde está a exposição do artista plástico Mário Moreira. Esta exposição é constituída por objetos de madeira que tiveram usos prévios. Confraternizaram-se apoiadores, admiradores e fomentadores da história e da cultura.

     Patrocinado pela Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, através do Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac), a realização do guia Sertões do Macacu contou com o apoio da Prefeitura Municipal de Nova Friburgo, Fundação D. João VI e assessoria técnica do Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro (Aperj).

     Mais informações aqui.

     Para consultar a obra clique aqui.

Publicado em Outros | 1 Comentário

Projeto “Resgate, preservação e divulgação da história da região” – 1º Etapa: Observação e Registro

     O projeto “Resgate, preservação e divulgação da história da região” está ocorrendo através de parceria entre o Sobrado Histórico José Francisco Lippi (Venda Nova, 3º distrito) e a Escola Municipal Maria da Glória Gonçalves (Imbiú, 2º distrito), como parte do programa “Mais Cultura nas Escolas”, o qual é realizado pelos ministérios da Educação e da Cultura. Conta também com o apoio das secretarias municipais de Educação e Cultura de Teresópolis.

Este slideshow necessita de JavaScript.

     Nesse projeto os temas Educação Museal e Educação Patrimonial são levados para todas as crianças da escola e estas são incentivadas a participar da descoberta da história e dos patrimônios materiais e imateriais da região em que vivem. Isto ocorrerá em 3 etapas:

1 Observação e registro (tema desta postagem).

2- Exploração.

3- Apropriação.

     Na primeira etapa foram realizadas as seguintes atividades:

a- Uma apresentação teatral, na qual foram abordados aspectos da imigração portuguesa e italiana, procurou motivar os alunos para o projeto:

 

b- As atividades que demonstraram o indivíduo como patrimônio cultural foram precedidas de um bate-papo sobre o papel do indivíduo nos grupos sociais (escola, família e comunidade). Cada turma executou uma tarefa lúdico-pedagógica para trabalhar este conceito:

c- Visita mediada ao Sobrado Histórico com experienciação de alguns itens do acervo. Cada turma passou por uma vivência do início do século XX, época na qual J.F. Lippi (patrono do museu) chegou no Brasil e ergueu o Sobrado.

Confiram também o vídeo.

Equipe do projeto:

Adriana Resende – Diretora da E.M.Maria da Glória Gonçalves

Regina Furtado – Diretora do Sobrado Histórico J.F. Lippi

Vera Rebello – Secretária 

Raquel S. Furtado – Coordenadora do Mais Cultura nas Escolas

Fabiane Cardoso L. da Silva – Coordenadora do Mais Educação nas Escolas

Publicado em Eventos | Marcado com | 1 Comentário

Comparando sobrados/museus – Parte I: Sobrado Histórico J.F. Lippi (Teresópolis, RJ), Museu Victor Meirelles (Florianópolis, SC) e Museu Regional de São João Del-Rei (S.J. Del-Rei, MG)

Confrontando o nosso Sobrado Histórico com o Museu Victor Meirelles verificamos que, além da distância espacial, ambos mantêm também uma distância cronológica: o primeiro foi erguido em algum momento da primeira quadra do século XX enquanto o segundo é um sobrado luso-brasileiro do final do século XVIII.

Sobrado Histórico J.F. Lippi (Teresópolis, RJ).

Sobrado Histórico J.F. Lippi (Teresópolis, RJ).

Apesar destas distâncias geográficas e cronológicas, guardam uma proximidade funcional: ambos tiveram moradias nos seus andares superiores e comércio no térreo. O florianopolitano foi armazém do pai do famoso pintor Victor Meirelles e o teresopolitano foi depósito para o Empório Comercial José Francisco Lippi (uma casa contígua ao sobrado e construída antes deste).

Museu Victor Meirelles (Florianópolis, SC).

Museu Victor Meirelles (Florianópolis, SC).

O edifício onde está o museu Victor Meirelles seria demolido para dar vazão ao tráfego porém foi tombado. Possui hoje, além de exposições de longa duração, outras de menor tempo que são selecionadas por meio de editais. Atualmente há projeto para torná-lo mais acessível, inclusive para cadeirantes. E, tal como o Sobrado Histórico J.F.Lippi, tem uma agenda com várias atividades culturais que fortalece a afinidade com o público, além das visitas comuns.

O Museu Regional São João Del-Rei em relação aos citados tem a peculiaridade de possuir três andares (foi comércio de secos e molhados no térreo e habitação familiar nos dois restantes). Como ocorreu em Venda Nova, era propriedade de um influente comerciante local: aqui o major José Francisco Lippi e lá o comendador João Antônio da Silva Mourão. Importante notar que o entorno deste museu mineiro foi preservado.

Museu Regional de São João Del-Rei (MG) (clique na imagem para acessar o vídeo).

Mais episódios da série Conhecendo Museus.

Publicado em Textos | Deixe um comentário

Sobrado em perspectivas panorâmicas – parte II

Fachada interna e parte do jardim.

Sala do Patrono, onde está a maior parte do acervo exposto.

Outra parte do jardim, de onde se vislumbra a lateral da cantina Don Peppino e, ao fundo, o Sobrado Histórico.

Publicado em Ambientes do Espaço Cultural | Deixe um comentário